Fique por dentro Site é a porta de entrada para a sua empresa

Muitos empreendedores pensam, erroneamente, que o site não é uma ferramenta prioritária em suas estratégias de comunicação. Argumentam, por exemplo, que já possuem páginas no Instagram, no Facebook e até no LinkedIn. E, por isso, estão com boa visibilidade na Internet. Mas uma coisa é uma coisa, e outra é bem diferente!

As redes sociais têm muita relevância, com certeza. Contudo, você está hospedando informações sobre seu negócio em um espaço que não lhe pertence. Quantas redes sociais já fecharam até hoje? Muitas!

Alguém se lembra da febre do Orkut entre os brasileiros, nos anos 2000? Pois é, foi descontinuado em 2014, sem aviso prévio. Muitos internautas que usavam a plataforma para postar fotos, por exemplo, se não salvaram em outros arquivos, perderam.

Além dessa característica, que pode causar sérios problemas, é importante lembrar que um dos principais objetivos das redes sociais é justamente atrair internautas para o site, seu espaço particular, sua casa no mundo virtual.

Então, não tenha dúvidas de que o site é o principal chamariz, ou a grande porta de entrada para a sua empresa, especialmente se ele contar com um blog ativo, como falamos no artigo “Toda empresa precisa ter um blog?”.

A importância do site para as marcas não é recente, mas a pandemia tornou esse canal imprescindível. Com a mobilidade restrita, as pessoas estão cada vez mais virtuais, seja para pesquisar produtos e serviços, seja para comprar ou fechar negócios.

Ter um site nos dias de hoje, antes de mais nada, é uma grande oportunidade para atrair clientes e divulgar a marca, produtos ou serviços.

Aspectos que reforçam a relevância do site na estratégia de comunicação

√ Com o site, você passa a ter um domínio próprio, algo simplesmente indispensável em qualquer campanha de marketing. O que é domínio? O domínio de um site é aquele que aparece logo após o “www”, na barra de endereços do navegador. Então, se o endereço do site for www.voce.com.br, o domínio é voce.com.br. Os e-mails da empresa serão atrelados a ele — seunome@voce.com.br —, assegurando uma imagem muito mais profissional.

√ Você já reparou como algumas empresas estão faturando mais na Internet, mesmo durante a pandemia? Especialmente aquelas que possuem, além do blog, uma loja virtual dentro do site? O fato é que o comércio eletrônico deve crescer 32% em 2021, segundo estimativas da XP Investimentos.

Mas não pense que esta realidade vale apenas para as grandes marcas. Hoje, mais do que nunca, o consumidor fuça, pesquisa, compara produtos e preços e não necessariamente compra na loja virtual maior e mais conhecida. Se encontrar condições melhores em um e-commerce menor e com boa reputação, é lá que vai comprar.

Portanto, sabe aquele argumento “Sou pequeno, não adianta ter  site”? Esqueça. Se a empresa não tiver um endereço eletrônico, simplesmente não existirá no mundo virtual. E é justamente o universo digital que tem determinado os rumos da economia.

Outros atributos
Mas não pense que, por não fazer vendas online ou ter um pequeno negócio, o site é supérfluo. Eis outra visão equivocada. O site é o local ideal para reunir todas as informações sobre a empresa e estabelecer relacionamento com os públicos estratégicos, a qualquer hora do dia ou da noite.

O site expõe a marca para o mundo. História, como funciona, valores, missão, objetivos, produtos e serviços são questões básicas que o site deve responder. Além de informar ao internauta todas os canais para entrar em contato.

Mas atenção. Não basta construir um site qualquer, pensando em economizar. Conteúdo mal escrito e raso, design ultrapassado, fotos de má qualidade, navegação lenta e complexa são alguns pontos que merecem atenção redobrada na hora de contratar um profissional para desenvolver o site da sua empresa. Pode parecer óbvio, mas a identidade visual também deve seguir a da marca, para não confundir os clientes atuais e futuros.

Um site elegante, com design agradável, intuitivo e responsivo (que abre em dispositivos móveis e fixos) é o início de um bom relacionamento, e ajuda a empresa a ganhar autoridade no mercado.

Ofereça conteúdo de qualidade. Um bom site não deve apenas mostrar o que é a marca, seus produtos/serviços. Entregue algum serviço aos internautas, como informações relevantes relacionadas ao seu negócio. É o melhor jeito de começar a conquistar a confiança do público.

Lembre-se: há uma pessoa do outro lado navegando no seu site. Será que está interessante para o internauta, agrega valor, ou apenas apresenta produtos? Pense nisso.

Mais recentes